Futuro?

Eu tenho medo do futuro...
Não do meu, mas do Brasil!

Será mesmo que o destino desse país é ter um futuro alienado e burro?

Alguém, por favor me mostra uma luz no fim do túnel...


Eu acho uma #putafaltadesacangem e vou xingar muito no Twitter quando eu chegar em casa porque eles não "vinheram"...

... para uma escola de verdade, aprender a falar, conjugar verbos e ter aulas de interpretação de texto.

E não me venham falar de "liberdade de expressão" porque isso é burrice!

Sim!!
Eu tenho vergonha alheia!!!

Mão de buzina

A buzina é um acessório indispensável em qualquer carro. Homens, mulheres e crianças parecem ter um verdadeiro fetiche por ela. Mas o que importa é que independente de quem esteja ao volante, essa pessoa não vai lembrar que a única função da buzina é alertar. Veja bem, eu disse alertar e não outra coisa. E é essa falta de limite à utilização da buzina que mais irrita nos dias de hoje.

O Código Nacional de Trânsito Brasileiro (CNTB) é claro ao dizer que o condutor só pode usar a buzina em duas únicas situações e, ainda assim, desde que seja em toques breves: buzinar é permitido apenas para fazer advertências com a intenção de evitar acidentes e fora da área urbana, ou seja, da cidade, para alertar o outro condutor que ele vai ser ultrapassado. Essas são as únicas situações previstas para a utilização da buzina. Dito isso, vamos analisar fatos do mundo moderno.

Fato 1
Você, chega em casa às 3 horas da manhã e descobre que está sem chave, logo você não poderá entrar. Ligar para casa e pedir para alguém abrir o portão é algo que você não pode fazer, afinal imagina acordar sua mamãe e ela ficar sabendo que você chegou àquela hora e sem a chave que ela mesma havia deixado no seu carro. Ela não pode saber que você esqueceu a chave. Logo vem a brilhante ideia de usar a buzina. E, claro, para quê acordar somente sua mãe e o resto da família quando você pode acordar toda a vizinhança?

Fato 2
Quando o semáforo abre e você demorar mais que um segundo para arrancar, é brindado com um belo buzinaço, afinal, o sinal já abriu e você está atrapalhando o trânsito, está no meio da rua parado!

Eu, sinceramente, acredito que a buzina é uma forma de aliviar o estresse. Sendo assim, alguns motoristas saem às ruas com seus carros com um único objetivo: a busca de um motivo para utilizar o objeto desejado, a buzina.

É claro que aí qualquer coisa é motivo para que todo o estresse e agonia sejam descontados com o apertar da buzina, e tenho plena certeza de que para alguns a sensação de apertá-la é melhor do que um orgasmo. Mas é claro! A buzina é um objeto de desejo do ser humano. Tocar a buzina é a realização plena de um desejo...

Não tem preço

Algumas coisas na vida não tem preço!

Nada pode pagar!
Nada pode apagar!
N-A-D-A

Mallet está eternizada em minha vida para sempre.

O que eu ouvi não tem preço!
Sincero, intenso e espontâneo.

TE AMO!
Sempre e para sempre.

Seguimos juntos,
"sempre e sempre em paz!"

Eu nunca vou abandonar vocês.

Confissão

Qual mulher não gosta de se sentir desejada?
Dúvido que alguma se sinta ofendida ao sentir isso...
Isso faz bem ao ego, a alma...

Mas pra que transformar o desejo em decepção?
Posso ser tudo o que você deseja nesse momento, mas amanhã não serei mais...

Não falo de amor, falo de tesão...
Mas mesmo assim é legal saber que o tesão será mantido...

Se não for assim, não dá! Não rola!

Se é pra ser bom, tem que ser para ambos!

"Me deixa quieto,
Me deixa em paz...
Onde a gente se diverte,
É onde eu quero ficar..."
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...