Desapego

Comecei a semana com um desafio: desafio de ano novo.

Tudo começou na semana do Natal quando levei meu pai ao dentista e, enquanto esperava, fiquei lendo uma edição da revista Criativa que falava sobre o desapego.

Na matéria, o desafio era se livrar de 50 objetos (diferentes) no prazo de uma semana. Gostei da idéia e fiz a minha parte em três dias. E depois fiz a limpa nas coisas da Tica e também nas da Mel (minha sobrinha).

Eu consegui me livrar de uma sacola grande de coisas inúteis e mais uma sacola gigante de roupas para doação. Abaixo minha lista de itens e os motivos pelos quais eu
os mandei embora... Da Tica, foi uma sacola de roupas para doação e algumas coisas para o lixo. Mas as coisas da Mel me surpreenderam! Além de mandar o guarda-roupas dela INTEIRO para a máquina de lavar, foram 5 sacolas de lixo e apenas 2 pares de sapato e algumas peças de roupa para doação. E detalhe, para as meninas a meta era de 30 itens.

Vamos agora a minha lista:
  1. Canetas: não funcionavam mais e mesmo gostando de canetas essas não tinham nada de especial e nem valor sentimental.
  2. Revistas: revistas de loja (tipo C&A e Renner) e algumas outras que ganhei em feiras ou na faculdade.
  3. Papéis de propaganda: o tipo de coisa que eu pego na rua e guardo porque esqueço de jogar no lixo.
  4. Chip: comprei um para fazer a portabilidade e descobri depois que ele não poderia ser utilizado para isso. Nunca usei, então lixo.
  5. Exame antigo: já foi, e toda vez que faço um novo vem os resultados anteriores.
  6. Brinquedos: pequenos dos quais nem a Letícia quis. Eram brinquedos que eu usava como enfeites há muito tempo.
  7. Envelopes: de todos os tipos: correspondências, trabalhos e para depósito em banco.
  8. Caixa de sapato: porque o sapato eu nem sei onde foi parar.
  9. Sandália: sem conserto... Minha Melissa amada, mas como não tem como arrumar, foi pro lixo.
  10. Pomada: terminei o tratamento e sobrou, não vou usar de novo.
  11. Uniforme escolar: está no armário desde 2000... precisa dizer mais?
  12. Cabo para conexão de internet: a cada telefone ou modem comprado vem um junto, não preciso guardar extras.
  13. Cadarços: se eu não tenho o tênis pra que preciso deles?
  14. Cds e dvds: cds de provedores de internet antigooossss e dvds queimados que dão erro, além de alguns que copiei e que agora tenho original.
  15. Livro: peguei como doação na biblioteca da facul, mas para mim não teria utilidade, dei para o Geraldo, que ficou feliz da vida.
  16. Sacolas: de lojas que comprei algo e gostei das sacolas, mas só elas só ocupam espaço. LIXO.
  17. Perfume: era só frasco, e eu me lembro dele perfeitamente para poder comprar outro.
  18. Maquiagem: vencida, preferi não arriscar e mandei por lixo, e também, porque já tem substitutas para elas.
  19. Esmalte: vencidos e frascos.
  20. Ecobag: tinha duas iguais, minha mãe ficou com ela.
  21. Adesivos: do tipo que eu não colaria em lugar algum, nem a Letícia.
  22. Folhas avulsas: que separei para usar de rascunho, não usei e estavam guardadas.
  23. Anéis: oxidados, sem cor, sem pedra e sem uso.
  24. Piercing: um quebrado e outro sem a pedrinha.
  25. Pinça: velha, tenho uma nova.
  26. Cartões de visita: se eu fosse usar eles com toda certeza eles estariam perto da agenda ao lado do telefone.
  27. Bandanas: repetidas que ganhei em shows que fui em anos anteriores.
  28. Meias: tinha muitas, separei algumas que já não usava mais para doar.
  29. Calcinhas: comprei novas e mandei algumas das mais antigas pro lixo. Sim, eu não faço doação de calcinhas.
  30. Sutiãs: depois da Tica meu peito aumentou de volume e alguns já não me servem mais há tempos, mandei junto com as calcinhas pro lixo.
  31. Cinto: era um cinto que servia só para enfeitar a calça, é de anjos com alguns outros detalhes tipo sol e lua. Nunca mais usei e não usaria novamente. Doei.
  32. Pijama: tinha muitos. Dei para a Mel que não tinha.
  33. Notas fiscais: alguns dos produtos eu nem tenho mais, então não tem sentido guardar elas.
  34. Trabalho de faculdade: nem meu eles eram, guardar pra que? -rs
  35. Atestados médicos: se eles não foram entregues quando deveriam pra que guardar?
  36. Camisetas: dei pro meu pai trabalhar, ele sempre precisa de muitas (ele é serralheiro).
  37. Baby look: da Pitty... estava velha e eu não uso mais porque pra mim aquela Pitty não existe mais.
  38. Blusa de lã: não usava tinha muito tempo, então foi para doação.
  39. Moletom: não uso NUNCA moletom, doação.
  40. Batas: mandei para doação porque não me traziam boas recordações. Não quero nada que me prenda ao passado ruim no meu guarda-roupas.
  41. Calça jeans: usei ela tanto que ela estava toda rasgada, e foi difícil deixar ela ir, porque ela me trazia só boas lembranças... E foi uma das únicas calças que rasgaram que eu não transformei em shorts porque não ia durar muito tempo.
  42. Camisola: as alças dela sempre me incomodaram e eu não usava, foi para doação, novinha.
  43. Shorts: como disse transformo minhas calças jeans em shorts então tenho vários, mandei alguns que usava mais para doação.
  44. Saia: eu não uso saia, ainda mais naquele estilo. Doação.
  45. Brincos: sem par, sem as pedras ou que eu simplesmente não sei porque raios eu comprei se eu NUNCA USEI.
  46. Cortador de unha: acho que tinha uns 5 aqui, deixei o único que ainda prestava.
  47. Parafusos: do pc... mas se ele está fechado e com todas as peças no lugar esses eram desnecessários.
  48. Apontador e borracha: apontador sem fio, quebrado ou enferrujado, lixo. Borrachas, ou melhor, restos de borracha. Lixo!
  49. Ingressos de cinema: nem dava mais pra saber que filme era.
  50. Convites de aniversários: eu não fui nesses aniversários e eram vários e de muito tempo.
Encontrei um blog que fez uma postagem muito legal sobre o desapego, recomendo pra vocês, só clicar aqui.
    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...